Blog: Go with the flow
Share to Facebook Share to Twitter Share to Twitter More...

Gestão otimizada dos dados da base instalada

Coletar, compilar, interpretar e, finalmente, utilizar informações é essencial para a digitalização. Na produção de bioprodutos, como papel e celulose, o processo está cheio de informações valiosas. É possível obter benefícios expressivos se todos estes dados de processo disponíveis forem utilizados de forma eficiente. O melhor lugar para começar é a sua lista de equipamentos e peças de processo instalados.

Digitalization in pulp and paper

 

Uma lista unificada e otimizada da base instalada que seja precisa e tenha dados em tempo real como base pode economizar tempo, dinheiro e recursos. Esclarecer a lista e itens e estrutura com uma política de nomenclatura facilita o planejamento de manutenções preventivas, ajudando a garantir a disponibilidade das peças de reposição e minimizando o risco de paradas longas e caras.

É normal que a lista de base instalada seja degradada ao longo do tempo. Na maioria das vezes, um novo item pode ser incluído na lista apenas apertando a barra de espaço ou a tecla Caps Lock. Cada grafia variante constitui um item novo e separado na lista. A gestão e a manutenção de uma lista da base instalada podem se tornar um pesadelo digital sem uma política de nomeação coerente e uma base de dados unificada.

Utilizando as modernas ferramentas digitais que temos à disposição, podemos juntos criar uma lista otimizada que sirva como base para procedimentos futuros de pedidos, faturamento, entrega e manutenção. Com base nos dados específicos das etiquetas presentes em cada um dos dispositivos usados em seu processo, podemos prosseguir com uma auditoria digital que nos ajudará a colocar todas estas informações em um mesmo formato. Uma auditoria física deve ser realizada nos dispositivos mais críticos para verificar a precisão da nova lista harmonizada.

Unified naming

 

O resultado final dos nossos esforços conjuntos é uma lista completa, clara, unificada e harmonizada de dispositivos - e, na maioria dos casos, consideravelmente mais curta e fácil de gerenciar e manter no ambiente digital. Já passamos por situações em que começamos com mais de 5.000 itens listados. Criando uma política de nomeação coerente e realizando juntos o processo de otimização, ao fim do processo de auditoria, percebemos que com exatamente a mesma base instalada, a lista tinha sido reduzida a apenas 550 itens.

Em grande parte, esta melhoria de quase 90% é explicada pela inconsistência na atribuição de nomes e listagem de dispositivos. Harmonizando, otimizando e mantendo a precisão dos dados da base instalada, você poderá economizar grandes quantias em custos com trabalho e inventário de peças de reposição enquanto, ao mesmo tempo, descomplica as tarefas envolvidas em serviços bem planejados e executados ao longo da vida útil e manutenção preditiva.

Com a segura e cuidadosamente monitorada IIoT (Internet Industrial das Coisas), ter estas informações da base instalada é apenas o começo. Os próximos passos podem envolver a automação de pedidos de peças de reposição e monitoramento de inventário. As possibilidades são infinitas. Fique ligado(a) para mais conteúdos sobre as oportunidades criadas pela digitalização do processo de fabricação de papel e celulose.

 

Read more:

Ecossistemas digitais de negócios para impulsionar projetos e processos de fabricação de celulose e papel

Otimizando processos com base em dados de desempenho das válvulas

Otimizando negócios em papel e celulose através da digitalização

A Metso na indústria de papel e celulose

 

Já está recebendo as atualizações mais recentes das soluções em controle de fluxo Metso? Cadastre-se aqui para receber notícias em primeira mão direto na sua caixa de entrada.


Palavras-chave

Blog: Go with the flow

Blogger

Timo Hänninen

Vice presidente, Valves Services

Metso no Twitter