Blog: Go with the flow
Share to Facebook Share to Twitter Share to Twitter More...

Vídeos: Teste criogênico garante desempenho em condições de processo extremas

Para garantir a confiabilidade no desempenho das nossas válvulas industriais mesmo nas condições de processo mais severas, nós as submetemos às mais severas condições de processo e aos rigorosos testes dos Centros de Tecnologia em Válvulas da Metso.

Em nosso laboratório criogênico, submetemos as válvulas a temperaturas próximas de -200 °C, mergulhando-as em nitrogênio líquido enquanto realizamos um conjunto completo de medições e testes de desempenho. O teste criogênico é realizado regularmente nas válvulas em diversas instalações da Metso ao redor do mundo. Nós temos muito mais de 20 anos de experiência neste tipo de testes, e a instalação para testes criogênicos com tecnologia de ponta mais recentes em Helsinque, na Finlândia (conforme pode ser visto no vídeo) começou as operações em 2011, junto com a nova fábrica de válvulas. 

A partir dos processos industriais, como a produção de GNL, onde as válvulas criogênicas são conhecidas por serem notoriamente exigentes e críticas, nossos clientes querem provas concretas do desempenho para poder estar tranquilos. Por este motivo, nós oferecemos a eles a possibilidade de seguir os processos de testes ao vivo pela webcam ou pelo Skype. Nossos experientes e treinados especialistas em criogenia realizam os testes de acordo com os procedimentos acordados com o cliente dentro de um laboratório seguro e estritamente controlado, enquanto o cliente acompanha a uma distância segura pela transmissão ao vivo.

Assista este vídeo (em inglês) para ter uma visão exclusiva do processo de teste de criogenia em ação.

Para mais informações, entre em contato com Jarkko Ilonen, supervisor de Produção.

 

 

Já está recebendo as atualizações mais recentes das soluções para controle de fluxo da Metso? Cadastre-se aqui para receber notícias em primeira-mão direto na sua caixa de entrada.


Blogger

Tomi Salonen

Supply Center Manager

Seus comentários são bem-vindos

Metso no Facebook

Metso no Twitter