mar 8, 2021 Mineração blog

Como é possível saber qual o comportamento da carga dentro de um moinho?

Fábio Isoldi
Fábio Isoldi
Product Support Coordinator
A resposta para essa pergunta é simples: ter dados de processo que permitam simular a trajetória da carga por meio de softwares.

A novidade, nesse caso, é a existência de uma nova geração de programas que permitem agregar à simulação o desgaste do revestimento ao longo do tempo e as diferentes trajetórias da carga dentro do moinho, de forma ainda mais precisa. Os novos softwares agregam capacidade para visualizar as bolas dos moinhos e seu comportamento girando e caindo, de acordo com a velocidade do equipamento e o desgaste dos revestimentos. Em moinhos SAG, dados como a carga de minério e granulometria são vistos com mais atenção para estudar o comportamento da carga.

Além da simulação, existem outros recursos que podem ser aplicados com o moinho operacional. Estamos falando de soluções de controle de processo de última geração, os quais tornam possível estabilizar, ajustar e melhorar os resultados de moagem. Essas tecnologias de aprimoramento tornam a moagem mais eficiente e agregam valor a todo o processo de concentração. São tecnologias que incluem analisadores de tamanho de partícula on-line para alimentação e descarga e ferramentas de medição de carga do moinho, além de recursos de controles de processo avançados.

A melhoria da eficiência de moagem igualmente conta pontos. Um exemplo é a intensificação da moagem primária para minérios duros e a melhoria de transporte de materiais para minérios moles. Inclusive com maior eficiência energética do moinho. E, como se sabe, a melhor eficiência energética no processo de moagem também pode trazer economias de custo significativas para a planta em geral.