Válvulas para gaseificação

A gaseificação é um processo que converte materiais que contêm carbono, como carvão, coque de petróleo, biomassa ou resíduos, em gás de síntese que pode ser queimado em uma turbina para produzir eletricidade ou ser processado para fabricar químicos, fertilizantes, combustíveis líquidos ou hidrogênio.

Indo até os extremos

A gaseificação converte materiais carbonáceos em gás de síntese através da oxidação parcial a cerca de 1200 °C com ar, oxigênio, vapor, dióxido de carbono, ou uma mistura desses gases. Quando o combustível está em estado gasoso, substâncias indesejadas, como compostos sulfúricos e cinza de carvão, podem ser removidas do gás para produzir uma fonte de energia útil e limpa.

O processo de gaseificação geralmente exige que o oxigênio seja controlado a 35% da quantidade teoricamente necessária para a combustão completa.  Isso garante que tanto o calor quanto o novo combustível gasoso sejam produzidos conforme o material alimentado é consumido. A pirolise sob condições de gasificação decompõe a matéria-prima, gerando carbono sólido e um fluxo de gás com maior teor de hidrogênio que o material alimentado originalmente.

Os produtos de controle de fluxo são necessários para controlar o processo de forma precisa e confiável, especialmente na introdução de matérias-primas e na moderação da temperatura do processo. Ainda mais importante, os produtos de controle de fluxo são essenciais para proteger as pessoas e a propriedade ao redor do processo. Com a presença de alto aquecimento e gases inflamáveis, os riscos de explosão e incêndio devem ser mitigados. Sistemas de queima, gerenciamento de queimadores e parada de emergência devem receber a manutenção adequada e trabalhar de forma confiável quando necessário.

Segurança em aplicações de serviço severas

A Metso tem um longo histórico de sucesso em aplicações de serviço severas, e tem trabalhado para desenvolver soluções específicas para superar os desafios impostos pela gaseificação desde 1991. Entre nosso comprometimento com P&D e nosso histórico como inovadores na tecnologia de sedes metálicas, não é de surpreender que tantas pessoas procurem a Metso para as suas aplicações mais complicadas.

Válvulas esfera bi-apoiadas, para uma ampla faixa de classes de pressão, com sedes metal-metal e revestimento de carboneto de tungstênio nas superfícies de vedação oferecerão operações seguras e confiáveis no longo-prazo. A seleção do material das válvulas tem como base os códigos internacionais de materiais, como o BAM para serviços com oxigênio, para garantir a segurança e a confiabilidade no processo. As válvulas podem ser equipadas com um revestimento adicional na porta de vazão e proteção com aço inoxidável da série AISI 410 removível, e revestimentos que podem ser facilmente substituídos, para estender a vida útil da válvula e proteger contra desgaste e erosão nas áreas da porta de vazão.

Máximo tempo de operação do processo

As válvulas de esfera de alta pressão da Metso oferecem inúmeras inovações para o design da sede e materiais que garantem o fechamento estanque e seguro, enquanto também ajudam a diminuir o desgaste e a abrasão, que podem reduzir a integridade e a vida útil de uma válvula. Nós trabalhamos junto com os clientes e fazemos todos os esforços possíveis para entender os desafios de suas aplicações para garantir o uso dos materiais de sede e revestimentos de válvulas mais adequados. O resultado é que o tempo de vida útil e operação da válvula são estendidos, gerando mais tempo de operação e menos manutenções.

Benefícios

  • Aumento da segurança e do tempo de operação do processo
  • Desempenho duradouro
  • Produção maximizada
  • Intervalos de manutenção mais longos

Descubra a diferença da Metso

Nos orgulhamos do nosso conhecimento técnico e da compreensão que adquirimos acerca dos desafios enfrentados por nossos clientes. Saiba mais sobre nossa oferta de produtos e conheça os casos para descobrir como a Metso auxilia seus clientes.

Relatório de aplicação (em inglês)

Gaseificação de carvão