Válvulas para polpação química

A recuperação química eficiente e fechada é um grande benefício no processo de kraft, pois fornece uma recirculação eficiente de produtos químicos de cozimento dentro do processo, ao mesmo tempo em que utiliza apenas quantidades marginais de produtos químicos que dele fazem parte. O licor negro é separado da polpa durante a lavagem da polpa. Este fraco licor negro contém muita água para uso direto como combustível na caldeira de recuperação. O principal objetivo de uma fábrica de evaporação é aumentar o teor de sólidos secos do licor negro por meio da evaporação da água até atingir uma concentração que permita que ela seja queimada na caldeira de recuperação. O estágio de recaustificação completa o ciclo de recuperação química ao converter licor verde em licor branco.

Manipulação do licor negro e da lama de cal

O licor negro fica mais viscoso e corrosivo após cada efeito devido a um aumento no conteúdo de sólidos. Isso pode causar problemas de descascamento e corrosão nas válvulas. As válvulas devem ser capazes de funcionar em aplicações de controle e on-off. Uma seleção cuidadosa das válvulas é recomendada para processos finais em fábricas de evaporação e em tubulações que alimentam os processos subsequentes. Quando usadas em serviços on-off, as válvulas devem fornecer um fechamento devidamente ajustado. Há também uma grande variedade de tamanhos de válvulas devido ao vapor utilizado no processo, o que aumenta significativamente o custo das válvulas no processo.
A recaustificação é um processo muito crítico devido à alta erosão e possível descamação da válvula.

Seleções de materiais certos

Para licor negro com alto teor de sólidos, as válvulas de esfera e segmentadas são preferidas. Para os serviços de controle, a principal recomendação é a válvula segmentada, bem como a válvula esfera. Para baixo teor de sólidos, uma válvula borboleta é recomendada. Válvulas borboleta também são preferidas em aplicações de vapor de grande tamanho. Quando o conteúdo de sólidos aumenta acima de 75%, a Metso recomenda o uso do duplex 4A como material da válvula.
O licor branco e suas borras exigem o uso de válvulas esfera com sede metálica resistentes e um mecanismo de raspagem e travamento, como a válvula de esfera da Metso. A lama de cal é um meio de fluxo muito erosivo. Para tais aplicações, nossa válvula esfera de cerâmica oferece a melhor resistência à erosão.

Longa vida útil e operação confiável

  • As válvulas esfera não interrompem o fluxo tanto quanto as válvulas borboleta; portanto, elas são preferidas para uso em aplicações de licor negro viscoso com alto teor de sólidos
  • Para serviços de controle, um controle de vazão mais preciso pode ser obtido selecionando uma válvula segmentada
  • As válvulas borboleta são uma maneira econômica de lidar com baixo teor de sólidos, licor negro menos viscoso e aplicações de vapor de grande tamanho de tubulação
  • Devido à erosividade do licor negro em alto teor de sólidos, o aço inoxidável normal CF8M geralmente não é suficiente; com material duplex 4A, a válvula pode evitar a corrosão e a erosão
  • Devido à erosividade da lama de cal, o aço inoxidável normal CF8M geralmente não é suficiente; com material cerâmico, a válvula pode impedir a corrosão e a erosão

Evaporação de licor negro e recaustificação

Saiba mais sobre como as válvulas Metso funcionam na evaporação de licor negro e no processo de recaustificação.