O processo na usina envolve condições desafiadoras, e a planta deve permanecer em funcionamento contínuo. As válvulas de controle são uma parte pequena, mas importante do processo. Elas controlam o fluxo e mantêm o processo da planta estável, ajudando a garantir que a planta opere de forma eficiente. É por isso que as válvulas Metso foram escolhidas para a nova unidade da Turun Seudun Energiantuotanto Oy’s (TSE) em Naantali, Finlândia.

CAPÍTULO 1

Nova usina costeira multicombustíveis

A nova usina costeira multicombustíveis da TSE em Naantali é responsável pela produção de aquecimento urbano e eletricidade para clientes particulares, além de vapores de processo para clientes comerciais na zona econômica de Turku. Comissionada em dezembro de 2017, a usina é um importante marco para os residentes de Naantali. Por este motivo, o design exterior da planta foi um ponto de particular interesse durante a fase de projeto.

A Metso foi escolhida como a principal fornecedora de válvulas automáticas de controle usadas nos processos de condensação, água e vapor da planta.

CAPÍTULO 2

UM DESIGN BASEADO EM EFICIÊNCIA E ALTA DISPONIBILIDADE

“A planta anterior já tinha acumulado mais de 300.000 horas de funcionamento, e estava claro que ela precisava ser substituída com uma nova capacidade e que teríamos que construir uma nova planta.” A flexibilidade e a disponibilidade são importantes nas operações das usinas. “Deve haver flexibilidade em termos de escolha de combustível, operação da planta e flutuação de carga. Também esperamos que a disponibilidade da planta seja muito alta”, diz Tapani Bastman, CEO da Turun Seudun Energiantuotanto Oy ao descrever as metas para as operações da planta.

image not available

A usina atende igualmente a propósitos residenciais e industriais. “Devemos ser capazes de servir os dois grupos de clientes. Também temos como objetivo maximizar a produção de eletricidade na produção combinada de calor e energia (CHP). Uma usina deve ser construída meticulosamente”, enfatiza Bastman.

Disponibilidade

e flexibilidade são importantes nas operações das usinas.

CAPÍTULO 3

AS VÁLVULAS ASSEGURAM A CONFIABILIDADE DA PLANTA

O processo na usina envolve altas pressões e temperaturas, e a planta deve permanecer em funcionamento contínuo. As válvulas de controle regulam a temperatura e a pressão e, além disso, mantêm a situação correta de processo da usina e uma operação eficiente. “As válvulas são apenas uma parte da totalidade da usina, mas se ocorresse algum problema com elas, todo o processo seria interrompido”, diz Heikki Jaakkola, Gerente do projeto NA4 CHP, ao explicar a escolha do fornecedor de válvulas.


A seleção de válvulas que a Metso oferece para usinas cobre todas as fases do processo. A grande variedade de válvulas de controle e automação para a planta de Naantali atendiam a todos os processos críticos para a planta. O abrangente pedido incluía válvulas para processos de baixa e alta pressão.

Sabemos que a Metso é uma experiente fornecedora de válvulas, e acreditamos que nossos produtos serão competitivos. Um fornecedor deve ter experiência, ser confiável e bem estabelecido. Obviamente, o produto também deve ser bom. A Metso tem muita bagagem, e suas soluções são perfeitas para nós.
Heikki Jaakkola, Gerente do projeto NA4 CHP
image not available

“Sabemos que a Metso é uma experiente fornecedora de válvulas, e acreditamos que nossos produtos serão competitivos. Um fornecedor deve ter experiência, ser confiável e bem estabelecido. Obviamente, o produto também deve ser bom. A Metso tem muita bagagem, e suas soluções são perfeitas para nós. O fornecedor da caldeira também tinha escolhido as válvulas Metso para seu próprio equipamento”, continua Jaakkola.

A usina também recebeu a tecnologia de atenuação de ruídos Neles Q-Trim, porque o processo realizado na usina excede 85 decibéis em algumas áreas. A tecnologia Neles Q-Trim protege os equipamentos do processo reduzindo o ruído e a vibração decorrente a níveis aceitáveis. O custo para operar as válvulas e a necessidade de peças de reposição diminuem, o que também diminui o custo geral das válvulas. “Naturalmente, nosso objetivo é diminuir o ruído o máximo que pudermos. Temos valores de garantia para todos os recursos que geram ruído, e também estabelecemos exigências para reduzí-lo. Tentamos de tudo para resolver este tipo de problema. As válvulas com atenuação de ruído Q-Trim da Metso foram escolhidas para proteger a equipe da planta - não existem áreas residenciais nos arredores da usina.”

“A colaboração com a Metso tem sido fácil. Eu fiquei muito satisfeito com a experiência e a entrega da Metso. Eles cumpriram tudo o que prometeram”, diz Jaakkola, satisfeito.

Check video ↓

CAPÍTULO 4

AMBIENTE AGRADÁVEL - TANTO VISUALMENTE, QUANTO EM TERMOS DE EMISSÕES

A partir de 2018, as emissões de dióxido de carbono decorrentes da produção de energia da TSE diminuirão 420.000 toneladas por ano. A meta estratégica de longo prazo é deixar de emitir carbono. A partir de 2019, o biocombustível será utilizado como principal recurso da planta.


“Nós monitoramos constantemente as emissões da usina, sendo poeira, enxofre e nitrogênio as mais críticas. As emissões de CO2 da planta são monitoradas anualmente, e elas serão reduzidas após nossa transição para o uso de biocombustível. Além disso, estamos participando do programa regional de monitoramento da qualidade do ar, que tem medido a qualidade do ar de forma mais abrangente. O programa também inclui emissões provenientes do tráfego e da indústria, além do transporte de amplo espectro de poluentes propagados pelo ar”, diz Bastman.


Tapani Bastman está orgulhoso da planta eficiente e ecologicamente correta, mas também de seu design estiloso. “A fachada da usina fez muito sucesso. Eu estou muito feliz com o trabalho do arquiteto. A ótima seleção de cores contribui para o visual agradável da planta. Ela tem muita visibilidade em Naantali, e representou um grande impacto para os moradores da cidade. Durante o inverno, também podemos ver uma iluminação externa muito atraente.

Monitoramos constantemente as emissões da planta. Além disso, estamos participando do programa regional de monitoramento da qualidade do ar, que tem medido a qualidade do ar de forma mais abrangente.
Tapani Bastman, CEO da Turun Seudun Energiantuotanto Oy
image not available

DADOS

Naantali power plant

  • A usina multicombustíveis produz anualmente 1.400 gigawatts hora para aquecimento urbano, 200 gigawatts hora de vapores de processo e 800 gigawatts hora de eletricidade.
  • Comissionada em dezembro de 2017, a planta substitui parcialmente a usina a carvão de Naantali, que existe há aproximadamente 50 anos.
  • A planta pertence à Turun Seudun Energiantuotanto Oy. As principais partes interessadas da TSE são Turku Energia, Fortum Power and Heat, e as cidades de Raisio, Kaarina e Naantali.
  • Clientes: Fortum, Turku Energia, Naantali, Kaarina e Raisio.
  • Funcionários: 75
  • Fontes de energia: biomassa das florestas, tocos de desbaste, troncos e cepos triturados, subprodutos industriais, como cascas de árvore e serragem, palha e carvão.

image not available
Fornecimento da Metso para a usina


• Tecnologia Neles em válvulas de controle e automação: válvulas de esfera, borboleta e globo • A tecnologia em válvulas de globo Neles se torna mais evidente em processos críticos da usina que envolvem altas pressões e temperaturas.
• Controladores de válvula Neles ND9000
• Tecnologia de atenuação de ruído Neles Q-Trim

Leia mais sobre os testes realizados nas válvulas Metso

image not available